Oração da Serenidade



Deus, concedei-me,
A serenidade para aceitar as coisas que eu não posso modificar;
Coragem para modificar as coisas que posso, e
Sabedoria para saber a diferença.
Vivendo um dia de cada vez;
Desfrutando um momento por vez;
Aceitando as dificuldades como o caminho da paz;
Tomando, como ele fez, este mundo pecaminoso como ele e, não como eu gostaria que fosse;
Confiando em que ele fará todas as coisas certas se eu submeter-me a sua vontade.
Que eu possa ser razoavelmente feliz nesta vida;
E infinitamente feliz com ele para sempre na próxima.
Amém.

sábado, 22 de junho de 2013

M U I T O E S T R A N H O M E S M O

Para refletir! 
Por que não tem ONGs no Nordeste seco?


Você consegue entender isso? 
Vítimas da seca no Nordeste!

Quantas? 10 milhões.
Sujeitas à fome
? Sim.
Passam sede? Sim.
Subnutrição? Sim.
ONGs estrangeiras ajudando: 
Nenhuma!
 
Índios da Amazônia.
 
Quantos? 230 mil.
Sujeitos à fome? Não.
Passam sede? Não.
Subnutrição? Não.
ONGs estrangeiras ajudando: 350 !

Provável explicação: A Amazônia tem ouro, nióbio, petróleo, as maiores jazidas de manganês e ferro do mundo, diamantes, esmeraldas, rubis, cobre, zinco, prata, a maior biodiversidade do planeta (o que pode gerar grandes lucros aos laboratórios estrangeiros) e outras inúmeras riquezas que somam 14 trilhões de dólares. 
O nordeste não tem tanta riqueza, por isso lá não há ONGs estrangeiras ajudando os verdadeiramente famintos.
 
Tente entender: Há mais ONGs estrangeiras indigenistas e ambientalistas na Amazônia brasileira do que em todo o continente africano, que sofre com a fome, a sede, as guerras civis, as epidemias de AIDS e Ebola, os massacres e as minas terrestres. 
Agora, uma pergunta: Você não acha isso, no mínimo, muito suspeito? É uma reflexão interessante ou não é? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário