Oração da Serenidade



Deus, concedei-me,
A serenidade para aceitar as coisas que eu não posso modificar;
Coragem para modificar as coisas que posso, e
Sabedoria para saber a diferença.
Vivendo um dia de cada vez;
Desfrutando um momento por vez;
Aceitando as dificuldades como o caminho da paz;
Tomando, como ele fez, este mundo pecaminoso como ele e, não como eu gostaria que fosse;
Confiando em que ele fará todas as coisas certas se eu submeter-me a sua vontade.
Que eu possa ser razoavelmente feliz nesta vida;
E infinitamente feliz com ele para sempre na próxima.
Amém.

sábado, 10 de maio de 2014

curiosidades primeira guerra mundial

Nos 100 anos do início da 1ª Guerra Mundial, reunimos todos os reflexos que o conflito deixou no mundo até os dias de hoje. A necessidade de criar uma vantagem contra o inimigo durante o esforço de guerra é geralmente interpretado como a causa do desenvolvimento de tecnologias mortais. Foi durante a 1ª Guerra Mundial que máquinas como tanques, submarinos e artilharia foram usadas pela primeira vez. Na mesma medida, foi durante a chamada 'Grande Guerra' que armas como aviões, metralhadoras e granadas de mão foram inauguradas, sendo aperfeiçoadas para matar mais. Nos estágios iniciais da guerra, as novas armas com a tática antiga causaram um número absurdo de mortes, mas as táticas foram aprimoradas para combinar com a tecnologia
O gás clorino foi usado pela primeira vez na segunda babalha de Ypres. Sem proteção, as forças aliadas tiveram baixas enormes. O gás mostarda e outros gáses foram desenvolvidos pelos dois lados, inaugurando a era das armas químicas nas guerras, com muitas nações utilizando suas versões - costume até hoje em vigor, como visto na guerra civil da Síria
As conquistas tecnológicas da 1ª Guerra Mundial não são totalmente negativas, com o tratamento de saúde e o atendimento de feridos apresentando avanços. A Grande Guerra possibilitou as transfusões de sangue com a invenção dos bancos de sangue. Evoluiu especialmente o tratamento de queimaduras graves e cirurgias plásticas. O tratamento de pilotos e feridos nas trincheiras foi aperfeiçoado. Houve progressos expressivos também nos tratamentos de infecção bacteriana
Milhões de soldados foram executados nas trincheiras na 1ª Guerra Mundial sob a acusação de covardia. Historiadores acreditam que os homens estavam na verdade sob impacto do chamado 'choque de guerra', que mais tarde ficaria conhecido como Distúrbio de Stress Pós-Traumático. Milhares dos sobreviventes tiveram distúrbios mentais pelo resto da vida e isso acabou ajudando na criação de tratamentos
A Liga das Nações foi fundada depois da guerra com a missão principal de manter a paz mundial e mediar conflitos internacionais. A iniciativa falhou, tendo sido incapaz de impedir a 2ª Guerra Mundial, mas lançou as bases para a Organização das Nações Unidas, que hoje cumpre o papel de mediação
O fim da guerra e a Convenção de Paz de Paris fez com que a Alemanha fosse desmilitarizada e outras nações fossem formadas no processo. Durante a guerra, a Rússia teve a sua própria revolução política em casa, com o comunismo chegando ao poder. Na Alemanha, a depressão pós-guerra ajudou a empurrar o partido nazista de Hitler ao poder. Ambas as facções políticas extremistas ganharam apoio popular após a guerra, lançando as bases do conflito mundial seguinte
O terrorismo já existia antes da 1ª Guerra Mundial, na verdade o o assassinato do arquiduque Franz Ferdinando, na foto, foi o que provocou a guerra e foi um ato de terrorismo. O historiador Jay Inverno argumenta que a intenção do assassinato era 'forçar a Áustria-Hungria a uma reação violenta, que acabaria por prejudicá-la'. O ato terrorista de 28 de junho de 1914 foi bem-sucedido e até hoje guerras são desencadeadas por terrorismo, como no caso do 11 de setembro de 2001, que provocou a chamada 'Guerra ao Terror' no Afeganistão e depois no Iraque
Os EUA entraram na guerra no final e, mesmo assim, sofreram a mesma perda catastrófica de vidas que muitas outras nações. Além disso, através de seus recursos e desenvolvimento de armas, os EUA se tornaram uma nação credora que emergiu da guerra como um grande poderio financeiro, ultrapassando a Grã-Bretanha, que sofreu prejuízos financeiros e humanos enormes
Na medida em que o Império Otomano entrou em colapso durante a guerra, novas fronteiras em todo o Oriente Médio nasceram, com países sendo criados e problemas de longo prazo iniciados. O Iraque foi formado e dividido com a criação do Kuwait. São desta época também os limites criados em torno Israel, Líbano, Jordânia e Síria, regiões até hoje problemáticas. As implicações dessas decisões na diplomacia ainda estão sendo sentidas 100 anos depois
Embora o movimento feminista já estivesse em andamento antes da guerra, tornou-se uma força incontrolável depois dela. Muitas mulheres assumiram o trabalho de homens que foram lutar e não havia mais um vácuo óbvio com milhões de homens jamais voltando para casa. Em 1918, mulheres com mais de 20 anos puderam votar na Grã-Bretanha e todas já podiam votar na Alemanha a partir de 1919. Apesar de todo o processo levar um longo tempo para se desenvolver plenamente, a guerra marcou um importante início

Nenhum comentário:

Postar um comentário